Trilha da Ermida

Figura Seta ↑ vermelhaNível de dificuldade alto

A trilha inicia-se no Posto Avançado 11 da Divisão Florestal da Guarda Municipal (coordenadas 298801E/7431932S) a 791m de altitude, com largura média de 8 metros, com 13,6 km de extensão, finalizando novamente no Posto Avançado 11. Sugere-se que tal trilha seja objeto de avaliação para futura implantação, que objetiva a utilização das vias públicas do interior do loteamento Serra da Ermida.

Parte dessa trilha utiliza um trecho em comum com a Trilha do Trial. Quando utilizada do PA 11 até a portaria do loteamento (coordenadas 297452E/7429267S) a 1110m de altitude, ela é denominada oficialmente como E2 ou Trilha do Condomínio.

A trilha E2 que possui 3,9 km de extensão, praticamente nunca foi requisitada pelo monitores e visitantes em virtudes em virtude do percurso ser feito inteiramente no acesso asfaltado, que possui acentuado aclive até o referido loteamento e que não oferece em seu caminho nenhuma visão panorâmica ou outro atributo importante do ponto de vista educacional, paisagístico ou turístico.

Atualmente ela é utilizada pelos moradores e proprietários do loteamento e também pelos guardas da Divisão Florestal que utilizam algumas de suas ruas para terem acesso a outras áreas da Rebio e do restante do território da Serra do Japi.

Sugere-se a criação de uma opção de trilhas com acesso a veículos dos visitantes até a portaria do loteamento. A partir desse ponto, a trilha iniciaria na portaria e utilizaria as ruas públicas que margeiam o loteamento no sentido horário , ou seja, do lada esquerdo do loteamento. Isso possibilitaria a vista panorâmica da Depressão periférica Paulista que engloba vários municípios como Salto, Indaiatuba, Itupeva, parte do território Campineiros , todo o vetor oeste do município de Jundiaí, a micro-bacia do Ribeirão Caxambu e bacia do Rio Jundiaí alem de uma ampla visão do território da Rebio, onde se pode avistar os vales das micro-bacias dos Córregos do Padre Simplicio, Garcia, Estiva, Lameirão e Ribeirão das Pedras. A trilha passaria no local conhecido como Bica da Onça (coordenadas 296699E/7428807N), uma nascente a 1100 m de altitude.Apartir desse ponto, atravessaria o loteamento terminando novamente na portaria do loteamento.

Essa trilha circular tem 5.850 m de extensão a 10m de largura e não causaria nenhum tipo de impacto ao local ou perturbação aos moradores lacais em virtude da visita ter como características principais: o agendamento, ser monitorada, ter conotação de educação ambiental e somente utilizar vias públicas.

 

« trilha anterior  ~  próxima trilha »

Reserva Biológica da Serra do Japi.

⁂ Circuitos Visitáveis dentro da Reserva.

 

 


▲ voltar ao topo


Fundação Serra do Japi

Av. da Liberdade, s/nº – 8º andar ala norte - Jundiaí – SP
(Paço Municipal Nova Jundiaí)
☎ +55 11 4589-8562

Av. Brazil Tãmega s/nº - Jundiaí – SP
(Base Ecológica da Serra do Japi)
☎ +55 11 3317-5058

*Para informações sobre visitas monitoradas (Projeto Nossa Serra) nos finais de semana e feriados ligar para:

☎ +55 11 4589-8566


Fundação Serra do Japi | Desenvolvido por CIJUN